Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Saber Viver Oftalmologia

Saber Viver Oftalmologia

15
Fev12

Ponto final

Dr. Luís Gouveia Andrade

Este blog vai deixar de ser atualizado. Pode, no entanto, continuar a utilizá-lo para consulta, já que o seu problema pode ser um dos muitos abordados neste consultório.

Se tiver alguma questão relacionada com esta especialidade médica, pode enviar-nos um e-mail para consultorio.saberviver@plotcontent.com e procuraremos dar-lhe resposta na edição em papel da revista saber viver.

Pode continuar a consultar artigos e notícias sobre esta temática na revista saber viver, no Sapo Mulher em http://mulher.sapo.pt/bem-estar/saude e no Sapo Saúde em http://saude.sapo.pt.

21
Jun11

Operação ao estrabismo

Dr. Luís Gouveia Andrade

 

Tenho 50 anos e sofro de astigmatismo, miopia e estrabismo. Fui operada com oito anos e tenho perguntado à minha médica se me posso sujeitar novamente a uma cirurgia para ficar com a vista direita. Ela desaconselhou-me o procedimento porque podia ficar com dupla visão. Se fizer essa operação corro este risco?

20
Abr11

Moscas volantes

Dr. Luís Gouveia Andrade

Tenho 45 anos e a vitrectomia tem sido uma das soluções que tenho vindo a equacionar. Isto porque tenho o meu campo de visão perturbado por moscas volantes, o que, no meu caso, assume inúmeras proporções muito limitadoras no meu dia-a-dia. Gostaria de saber a sua opinião sobre esta doença e que soluções existem.

 

 


 

 

17
Fev11

Lentes de marca branca

Dr. Luís Gouveia Andrade

 

Receitaram-me há pouco tempo lentes progressivas e sensíveis ao sol. Dirigi-me a uma óptica para pedir um orçamento e, face ao custo elevado das lentes, propuseram-me optar por lentes de marca branca ou sem marca. O preço era, de facto, significativamente inferior (cerca de metade). A minha questão é: são essas lentes tão boas e  seguras como as das marcas conhecidas?

23
Ago10

Tremor involuntário

Dr. Luís Gouveia Andrade

O meu marido sente, desde há cerca de um ano, um tremor no olho direito. Sempre que acontece é bastante visível assim como o cerrar involuntário do olho. Foi a uma consulta de oftalmologia, tendo sido informado que só com botox poderia resolver a situação temporariamente. O problema terá a ver com o sistema nervoso ou com o olho? Que procedimentos podemos seguir de forma a minorar o sofrimento?

 

23
Jul10

Lacrimejo persistente

Dr. Luís Gouveia Andrade

Desde há algumas semanas tenho estado sempre a lacrimejar. Trabalho 40 horas semanais ao computador e, quando chego a casa, estou ainda algum tempo à frente do ecrã. Na farmácia disseram-me que não é uma conjuntivite. Esta situação pode estar a ser causada por cansaço da vista? O que me aconselha fazer?

11
Fev10

Antidepressivos e visão Infecção na córnea

Dr. Luís Gouveia Andrade

Há cerca de um ano comecei, por prescrição médica, a tomar antidepressivos, nomeadamente Cipralex (primeiro 10 mg e depois 20 mg), Alprazolam Unilan (0,25 mg) e Cymerion Zolpidem (10 mg, este apenas em caso de extrema necessidade). Tomei estes medicamentos durante cerca cinco meses, até que parei de tomar, repentinamente. Quando o fiz comecei a ter, frequentemente, tonturas e visão turva. Pensei que fosse um efeito temporário da paragem repentina da toma dos medicamentos. Acontece que os sintomas não passaram e continuei a ver cada vez pior. Consultei um oftalmologista que diagnosticou miopia (0,5 dioptria nos dois olhos). Uma vez que nunca tive qualquer problema de visão e que os meus hábitos não se alteraram (televisão, computador, leitura), é possível que o actual problema esteja relacionado com o facto de ter deixado de tomar os antidepressivos e, se sim, haverá forma de reverter a situação?

03
Fev09

O que é uma vitrectomia?

Dr. Luís Gouveia Andrade

A minha mulher é míope e, há uns meses, teve uma pequena hemorragia no olho esquerdo, tendo começado a ver pontos pretos e uma névoa. Foi a um oftalmologista que lhe diagnosticou as chamadas moscas volantes, ou seja, o humor vítreo tinha-se liquidificado. Foi-lhe dito que teria de se habituar a ver com as moscas volantes. Perguntámos se não havia forma de eliminar esses pontos negros e névoas e, em resposta, o oftalmologista disse-nos que isso era possível através de uma operação, chamada vitrectomia, mas que o problema poderia voltar a acontecer e que, para além disso, não era aconselhável na sua idade (39 anos) pois a operação, mais tarde, originaria catarata e implicaria uma nova cirurgia. Por esta razão o médico referiu só aconselhar efectuar essa operação daqui a dez anos, pois os míopes têm tendência para catarata e assim faria duas operações numa só. Quais os riscos da vitrectomia? Esta operação resolve o problema das moscas volantes? É, de facto, verdade que a operação pode originar catarata ?  

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Saber Viver deste mês

Links

Ligações

Arquivo

  1. 2012
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2011
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2010
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2009
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2008
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2007
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D